Tecnologias sem fio

Para aplicações de vigilância por vídeo, a tecnologia sem fio é uma maneira flexível, econômica e rápida de distribuir câmeras, especialmente por áreas extensas, como um estacionamento ou uma aplicação de vigilância para o centro da cidade. Essas tecnologias dispensam a extensão de um cabo até o chão. Em edifícios mais antigos e protegidos, a tecnologia sem fio pode ser a única alternativa caso não possam ser instalados cabos Ethernet comuns.

A Axis oferece câmeras que funcionam originalmente sem fio. As câmeras de rede sem tecnologia sem fio incorporada também podem ser integradas a uma rede sem fio se for usada uma ponte wireless.

802.11 Padrões de WLAN

Série de câmeras de rede AXIS M

O padrão wireless mais comum para redes remotas sem fio (WLAN) é o 802.11 da IEEE. Embora também existam outros padrões e outras tecnologias reservadas, a vantagem dos padrões wireless 802.11 é que todos operam em um espectro não-licenciado, ou seja, não há nenhuma taxa de licenciamento para montar e operar a rede. As extensões mais relevantes do padrão são 802.11b, 802.11g, 802.11a e 802.11n.

O 802.11b, aprovado em 1999, opera na faixa de 2,4 GHz e oferece velocidades de dados de até 11 Mbit/s. Até 2004, a maioria dos produtos para WLAN vendidos utilizavam o padrão 802.11b.

O padrão 802.11g, aprovado em 2003, é a variante de 802.11 mais comum do mercado. Ele opera na faixa de 2,4 GHz e oferece velocidades de dados de até 54 Mbit/s. Os produtos de WLAN normalmente são compatíveis com o 802.11b/g.

O 802.11a, aprovado em 1999, opera na faixa de freqüência de 5 GHz e oferece velocidades de dados de até 54 Mbit/s. Um problema da faixa de freqüência de 5 GHz é que ela não está disponível para uso em algumas partes da Europa, onde está reservada para sistemas militares de radar. Nessas áreas, os componentes de WLAN de 5 GHz devem seguir o padrão 802.11a/h. Outra desvantagem do 802.11a é que o seu intervalo de sinal é mais curto que o do 802.11g porque opera em uma freqüência mais elevada; portanto, é necessário um número muito maior de pontos de acesso para transmitir na faixa de 5 GHz do que na faixa de 2,4 GHz.

Ao instalar uma rede sem fio, a largura de banda do ponto de acesso e a largura de banda consumida pelos dispositivos de rede devem ser levadas em conta. Em geral, a velocidade útil de transmissão de dados aceita por um determinado padrão de WLAN é aproximadamente metade da velocidade estipulada por um padrão, devido ao consumo da sinalização e do protocolo. Com câmeras de rede que operam no padrão 802.11g, no máximo 4 ou 5 câmeras devem ser conectadas a um ponto de acesso sem fio.

Segurança de WLAN

Devido à natureza das comunicações sem fio, qualquer pessoa com um dispositivo sem fio que esteja presente na área coberta por uma rede sem fio poderá compartilhar a rede e interceptar os dados transferidos por ela, a menos que a rede esteja protegida.

Para evitar o acesso não-autorizado aos dados transferidos e à rede, algumas tecnologias de segurança, como WEP e WPA/WPA2, foram desenvolvidas para evitar o acesso não-autorizado e criptografar os dados enviados pela rede.

WEP (Wired Equivalent Privacy)

A WEP impede o acesso à rede por pessoas que não possuem a chave correta. Entretanto, a WEP tem pontos fracos.

Entre eles está o fato de que as chaves são relativamente curtas e que outras falhas permitem a reconstrução das chaves a partir de uma quantidade relativamente pequena de tráfego interceptado.

Hoje em dia, a WEP deixou de ser considerada uma segurança adequada, pois há diversos utilitários disponíveis gratuitamente na Web que podem ser usados para quebrar o que deveria ser uma chave secreta de WEP.

WPA/WPA2 (WiFi Protected Access, Acesso WiFi Protegido)

O WPA aumenta consideravelmente a segurança, pois não apresenta as deficiências do padrão WEP. O WPA é uma forma padronizada de distribuição de chaves criptografadas.

Recomendações

Algumas diretrizes de segurança para uso de câmeras sem fio para vigilância:

  • Ative o login por nome de usuário/senha nas câmeras.
  • Ative a criptografia (HTTPS) no roteador sem fio/nas câmeras. Isso deve ser feito antes que as chaves ou credenciais sejam criadas para a WLAN, evitando o acesso não-autorizado à rede com credenciais roubadas.
  • Verificar se as câmeras sem fio operam com protocolos de segurança como IEEE 802.1X e WPA/ WPA2.

Pontes Wireless

Algumas soluções podem usar padrões que não sejam o predominante IEEE 802.11, aumentando a velocidade e permitindo a transmissão de dados a distâncias mais longas, em combinação com uma segurança muito reforçada. Duas tecnologias normalmente usadas são microondas e laser, que podem ser usadas para conectar edifícios ou localidades com um link de dados ponto-aponto de alta velocidade.

Próximo tema: Plataformas de hardware